Minhas Cervejas Preferidas II

Ano passado fiz um post sobre as minhas cervejas preferidas. Hoje, refletindo sobre isso me dei conta que algumas foram adicionadas a lista. Esses meus novos amores andam frequentando muito a sala do Cozinha.  Aproveito para convidar o Culinarístico a fazer uma nova lista também. Vamos a elas então?

A Barco anda sendo uma das minhas marcas preferidas de cerveja atualmente. TODAS são gostosas. Da IPA a Pilsen. O custo benefício também é excelente, já que, você pode comprar uma cerveja de verdade, absolutamente saborosa, por um preço médio de 16,00 (tem na Cia Zaffari aqui em Porto Alegre). Não é por acaso que 3 das minhas 5 favoritas do momento

Barco Sexy Ipa

sexy_ipaA Sexy é uma Session IPA com 4,3% de teor alcoólico, com os lúpulos Magnum, Citra, Simcoe, Centennial e dry hopping de Centennial, Simcoe e Citra.

Como ela faz parte da linha All Day, optamos por ser uma Session IPA que atenda aos dois extremos do perfil de consumo: dos lupulomaníacos aos iniciantes no estilo. Enfim, chegou uma IPA para beber o dia todo
(em entrevista para All Beers – Christian Piva, gerente de marketing da Barco).

Fullers

fullers_ipa

Se tem Fullers tem eu. Uma das cervejas mais saborosas que já tomei.

Fabricada tradicionalmente com selecionados maltes e lúpulos ingleses, como Goldings, Fuggles e Target, a cerveja Índia Pale Ale da Fuller’s é um clássico no universo cervejeiro. Fiel à tradição deste tipo de cerveja, originalmente desenvolvido para sobreviver à longa e incerta viagem até a Índia, esta IPA faz jus ao seu nome. Tem uma boa atenuação, com boa presença de lúpulos de amargor e aromáticos, que proporcionam um equilíbrio único neste estilo. Depois da maturação na cervejaria, é refermentada em garrafa para garantir o sabor mais fresco e enfrentar os rigores do embarque e armazenamento. O aroma inicial é floral com um leve toque de lúpulos picantes, terminando num tom frutado. Por conta do acondicionamento em garrafa há mais frescor no palato inicial e um sabor mais maltado e frutado na sequência. Apesar de ser uma cerveja de alto amargor (mais de 50 IBU) o retrogosto não é agressivo, mas agradavelmente refrescante, deixando uma sensação de quero mais no paladar! OBSERVAÇÃO: Por ser sazonal, a graduação alcoólica pode variar. Já houveram versões de 4.8, 4.9 e 5.6% ABV.

(Fonte: Brejas)

Barco APA San Diego

san_diego_apa

Resumindo em duas palavras: refrescante e saborosa.
A San Diego ela é uma American Pale Ale que foi inspirada na vertente West Coast de fazer cervejas.
Lúpulo utilizado: apenas 1, o Citra.
Notas: Maracujá, grapefruit e lima
Amargor moderado e de rápida finalização

Brewdog PUNK IPA

punk_ipaInfelizmente com a alta do dólar as cervejas da Brewdog tiveram uma elevação gigante no preço, por isso a gente tá tomando elas em ocasiões especiais. A PUNK IPA foi eleita por mim mesma como a melhor IPA que eu já provei na vida. Ela é simplesmente perfeita. Sabor, amargor, sensações na medida exata de quem gosta de uma boa IPA.

A cerveja da contradição inerente. Este peso pesado do mundo da cerveja é extremamente delicada, com uma aparência de ouro branco. O aroma frutado leve domina o confronto inicial; kiwi, lichia, maracujá prevalecem, com nuances de cereja e morango, além do toque do caramelo. Não se deixe enganar por esta cerveja. À medida que escorre pela sua garganta, como o lobo em pele de cordeiro, começa a crescer dentes. O final é agressivo e seco. A mordida vem com o amargor e permanece, não importando quão dura seja a doçura maltada do álcool que tenta domar esse animal feroz. Esta cerveja fresca é o tributo da cervejaria à clássica IPA de tempos passados. A virada pós-moderna é a adição de lúpulo frutado, numa explosão de frutas tropicais e final amargo.
(Fonte: Brejas)

Barco Folk Double Amber Ale

barco_amber_ale

Sabe aquele dia que você está precisando de um abraço? Essa cerveja faz isso por você. Depois do primeiro gole você sente um conforto tão incrível que uma garrafa já basta.

A Barco Folk Double Amber Ale usa apenas um tipo de malte e um tipo de lúpulo americano, além de um pouco de beterraba para dar cor, maior teor alcoólico e secura à cerveja, um diferencial desta cerveja. Apresenta coloração avermelhada, baixa turbidez, boa espuma, aroma herbal, sabor de amargor médio equilibrado, com final seco e refrescante. Sua receita venceu o concurso que a cervejaria fez para encontrar seu próximo rótulo.

 Brewdog Jack Hammer

jack_hammer

Jack Hammer foi a primeira cerveja da Brewdog que eu provei. Ela ficou para sempre no meu coração. Pensa num amargor que finaliza de forma inigualável a experiencia de beber uma cerveja de verdade.

Jack Hammer é um tipo de britadeira pneumática usada na construção civil. E o nome revela exatamente o que é essa West American India Pale Ale da Brewdog: uma pancada! Muito lúpulo centennial e columbus trazendo intensas notas cítricas, frutadas e resinosas. Nas sábias palavras da Brewdog: “O acabamento devastadoramente amargo irá perfurar em linha reta através de suas papilas gustativas. Se você gosta de lúpulo e amargor, em seguida, vá em frente. Mas atenção: esta cerveja tem mais amargura do que um paladar humano pode detectar.” É sempre bom advertir: apenas para lupulomaníacos e brutos!
(Fonte: Cerveja Store)

Follow my blog with Bloglovin

Nenhum Comentário

    Comente com o Facebook