1 ano sem carne

Esse post não tem nada a ver com cinema, mas sim, tem a ver com comida e com a vida. Em junho faz um ano que parei de comer carne. O que mais ouvi no começo (e por incrível que pareça ainda escuto isso) foi:

Não come carne, vai comer o que?

Sério?

sem_carne3

Depois vieram os questionamentos de porque eu estava fazendo isso comigo mesma….

Está doente? Quer emagrecer? Enjoou de carne por um tempo, é isso?

Minha motivação para tal fato foi um vídeo que eu acabei por assistir um dia que estava de bobeira no Facebook. Na real, nunca fui  muito de comer carne, não era uma coisa que fazia falta nas minhas refeições. O tal vídeo mostrava um monte de frangos (que era uma das carnes que eu mais gostava de comer) sendo levados por um rastelo gigante em um abatedouro. Depois daquele dia nunca mais uma carne foi colocada no meu prato. O que me veio na cabeça na mesma hora?

Isso:

IMG_0205

Meus dois cachorros que eu amo tanto….e todos os outros cachorros do universo, pois são os animais que mais gosto e me identifico. Pensei: na China se come cachorros, para eles os cães são como qualquer outro bicho: boi, vaca, porco e etc, então,  pode pendurar num gancho, depois tirar a pele e transformar no almoço de domingo.

Muitas pessoas são hipócritas de ficarem chocadas com alguém comendo carne de cachorro, eu mesma era. Naquele dia eu resolvi deixar de ser. Por todos os animais do mundo, eu resolvi deixar a minha consciência limpa e fazer o melhor. Daí vem o pessoal que diz: “Mas tu achas que só tu fazendo isso vai adiantar alguma coisa?” (adoro as perguntas)…eu não sei se vai adiantar alguma coisa, mas também acho que se ninguém fizer nada, nada mudará. Tem MUITA gente no mundo que não consome mais carne, sendo assim, somos muitos já.

Sempre faço uma analogia com um show de rock…muitas pessoas ali por conta de um ideal: ver aquela banda/cantor. O que acontece quando todos começam a cantar juntos? Um ensurdecedor coral de vozes que, as vezes, tu não escutas mais nem a tua. Porém, aquilo traz uma energia positiva circulante incrível, todos que ali estão cantando a plenos pulmões querem a mesma coisa: cantar junto com seus ídolos suas músicas preferidas. O que tem a ver tudo isso? O fato é que mesmo estando todos espalhados pelo mundo, as pessoas que não consomem carne estão fazendo um pouquinho cada, juntando essa força através de suas atitudes e estilos de vida. Não muda? Muda muito. Talvez as pessoas que estão de fora não se deem conta, porque não estão prestando atenção no assunto. É como separar o lixo. Tem gente que não faz, não tá nem aí, mas vejam como mudou quando muitas pessoas, cada uma em suas casas, resolveram fazer a separação. Muitas pessoas são beneficiadas com a coleta de lixo seco que é enviado para reciclagem. Muitas vidas foram melhoradas. A natureza por sua vez está livre de muitas toneladas de lixo que levariam anos para se decompor. E aí você pensa: ah só eu faço, não adianta nada. ADIANTA, porque na real, você não está sozinho. Dá aqui a mão pra mim =)

Sério que tem gente que ainda não separa o lixo?

(Wasabi indagativo)

IMG_0115

Depois de um ano sem comer carne, eu notei muitas melhoras na parte física também. Meu organismo funciona melhor, não tenho tido as tais dores nas pernas que eu tinha muito, minha pressão arterial (que era alta) anda estável há muitos meses (sem remédio), durmo melhor, acordo mais leve, tem dias sim, que me sinto cansada, não sou a wonder-woman, mas isso é normal pelo cansaço do dia-a-dia.

Você não fica com vontade de comer uma picanha, Sara?

Acha que tenho vontade de picanha se tem tantos alimentos LINDOS e muito gostosos que podem ser comido sem ter que sacrificar nenhuma vida?

sem_carne1

Agradeço profundamente a minha amiga Priscila Darré, que é vegetariana há mais de 10 anos, dona do Culinarístico, se você não conhece AINDA, vai lá já. Ela me inspirou em ser uma pessoa mais saudável e leve. Ela sempre me disse que eu me alimentava bem e que tinha todo potencial para deixar de comer carne. Ela aguentou todas as minhas indagações sobre o que comer ou não. O que era bom ou não. O que eu devia comprar de coisas prontas veggies do mercado. Ela esteve comigo esse tempo todo, mesmo de longe, compartilhando o mesmo ideal e amor. Obrigada querida amiga, love U.

Para finalizar, deixo para vocês a cara de Oliviah Divah que aprova muito poupar vidas há um ano. Espero que esse post inspire vocês. E quando começarem as perguntas, lembrem-se de mim, que muitas vezes nem respondia porque realmente quem não respeita e entende tuas decisões/opções para a vida, não merece ouvir nada mais que um ”ahamm”. Faz a egípcia e continue comendo tua quiche de alho-poró.

IMG_0028

Comentários no Facebook

2 Comentários

  • Mari 28 de junho de 2016 (08:44)

    Um fato é que depois que você deixa de comer carne por conta dos animais, você fica se perguntando porque não fez isso antes!

    Estou desde janeiro sem comer animais e me sinto muito cega por não ter visto toda essa maldade antes. E meus cachorros também tiveram influencia direta na minha decisão… Cheguei ao ponto de não conseguir mais escolher uns para amar e outros para comer…

    E esse colorido dos seus pratos… Não tem comida mais linda do que comida com vida!!! 😀

  • Gabriela Sanchez Nunez 2 de agosto de 2016 (11:55)

    Comida colorida, sou adepta faz tempo… tbém, sem poder comer nada de derivado de leite e sem de fato gostar de carne vermelha foi o q sobrou… mas eita sobra gostosa!
    Confesso q voltei a comer carne vermelha… essa dieta da vitamina D tirou a minha alegria de comer queijo, e queijo vegano não é a mesma coisa…é gostoso ok…mas é diferente de um queijo colonial bem amarelinho nhamnham
    Não sou contra a utilização do que os bichos possam oferecer…assim como o bicho homem pode ao mesmo tempo oferecer proteção, carinho e cuidados.. é um comensalismo tranquilo! Sou de fato contra a matança desenfreada, a falta de escrúpulos em tirar a vida e a crueldade (pq considero isso crueldade), o fato de se escolher matar filhotes pq a carne é mais tenra… se lascar! Na lei a selva uma leoa mata para alimentar a sua prole, não faz isso por esporte…e não mata todos os dias… tem um equilíbrio no que faz.. é cruel? Lógico q é, mas é a lei da selva. E o q nós fazemos??? Q M é essa?? Qual a definição? GANÂNCIA! Dinheiro imundo e infeliz… não serei hipócrita, desta porcaria precisamos… mas até q ponto? Se eu viveria sem comida? Olha.. depois q aprendi a cozinhar e a fazer hambúrguer de lentilha bem temperado, amiga eu passo de longe um cadáver no prato! A minha semana de carne está acabando… mas isso é verdade mesmo, vejo meus gatos.. todos adotados das ruas, lindos.. todos com problemas de saúde (q nem eu hehe) e todos me fazem feliz, cada um a seu jeito! Sou feliz hj não só pela minha história de vida, mas muito se deve a estas vidas lindas q tive a felicidade em resgatar, amo-os! Bj guria
    PS: pra quem insiste em questionar do pq não comer carne? Sempre devolvo com a mesma questão mas como uma afirmativa, pq comer?